Gamification in selective processes: what is it and how does it work?

Pasi Loman
Pasi Loman
Commercial Director - Seppo Brazil
20.12.2019

Os processos seletivos podem ser melhorados pela gamificação, não apenas para o contratante quanto o contratado, pois traça um perfil mais exato, criando dinâmicas interativas diferenciadas.


Recrutamento de pessoas é um grande desafio para qualquer instituição: é necessário um planejamento que envolve vários quesitos, como análise das necessidades da empresa em relação à posição disponível, as vantagens e os benefícios que serão oferecidos ao candidato e à metodologia utilizada no processo seletivo para identificação do melhor perfil. 

A área de Recursos Humanos, no entanto, pode buscar inovações tecnológicas para auxiliar na busca por profissionais com habilidades importantes, como raciocínio rápido, relacionamento interpessoal, perfil multidisciplinar e flexibilidade. A gamificação, por exemplo, é uma técnica que consiste em empregar dinâmicas de jogos interativos em ambientes diversos e que pode ser utilizada em processos seletivos de diversas formas. 

Como utilizar a gamificação em processos seletivos?

Atualmente, os candidatos não consideram apenas a remuneração em uma empresa, mas avaliam fatores como ambiente organizacional e satisfação pessoal. As empresas, por sua vez, também buscam colaboradores proativos, ágeis e dispostos a aprender continuamente. A gamificação pode ser construída em uma plataforma – personalizável e adaptável – que oferece inúmeras possibilidades por meio da aplicação de algoritmos para mapeamento de cada perfil. 

É possível criar uma estratégia de quiz com questões para avaliar os conhecimentos gerais e específicos, simulando também as peculiaridades e a rotina diária da função para examinar a capacidade de solucionar problemas e a tomada de decisão dos candidatos. Outra opção é aplicar jogos que envolvem perguntas voltadas a aspectos, como missão, valores e política interna da empresa, a fim de identificar se o candidato se adaptaria ao ambiente organizacional. 

Gincanas virtuais também são interessantes para avaliar o comportamento do participante em relação a determinadas situações, como trabalho em equipe, cumprimento de prazos, desenvolvimento da tarefa proposta e demais habilidades relativas à vaga. 

Quais os benefícios da implantação da gamificação durante o recrutamento?

A gamificação pode auxiliar recrutadores a selecionar o perfil certo para a vaga disponível. Veja, nos itens a seguir, como isso é possível.

  • Incentiva e desperta a criatividade do candidato e, portanto, traz mais chances de atrair talentos mais dinâmicos e habilidosos. 

  • Agrega mais autenticidade e espontaneidade nas etapas, o que possibilita conhecer melhor os selecionados. 

  • A dinâmica traz uma nova perspectiva à área de gestão de pessoas como um todo, não se limitando apenas aos processos seletivos. 

  • A prática inovadora, por si só, já demonstra que a empresa oferece um ambiente de inovação e liberdade de criação. Por isso, os candidatos que se destacarem tendem a se identificar com esses princípios. 

Saiba mais sobre como implantar técnicas de gamificação no dia a dia de sua empresa no blog da Seppo.